Qual o anticoncepcional mais indicado para adolescentes?

mar 20, 2011 4 Comments by dominiojovem
Não existe consenso na literatura sobre qual o melhor método anticoncepcional na adolescência, devendo a escolha ser individualizada. Contudo, algumas prerrogativas gerais sempre devem ser levadas em consideração, sendo o melhor método aquele que tiver o melhor custo e adesão, menor quantidade de efeitos adversos, reversibilidade e maior eficácia(1). Além disso, considerando a dificuldade de adesão nesta faixa etária, a motivação e predileção da usuária por determinado método definitivamente deve ser levada em conta.
Os ACOs permanecem a escolha mais popular entra as adolescentes, apesar da popularidade crescente dos anticoncepcionais trimestrais(2).
A escolha do método na adolescência apresenta desafios adicionais. A preocupação de muitas adolescentes com sua imagem corporal resulta em baixa tolerância, por exemplo, com o ganho de peso. Outro complicador é o tempo entre a primeira relação sexual e a procura por um serviço de saúde, que costuma ser de vários meses(3).
Vejamos agora algumas das vantagens e desvantagens entre o Anticoncepcional Oral Combinado(ex: Microvlar® , Triquilar®), Anticoncepcional Injetável Mensal (ex: Mesigyna®) e Anticoncepcional Injetável Trimestral (Ex: Depo-provera®) com ênfase na usuária adolescente.
Anticoncepcional Oral Combinado: (4)
- ciclos menstruais regulares, com sangramento durante menos tempo e em menor quantidade;
- Diminuem a freqüência e a intensidade das cólicas menstruais
- A fertilidade retorna em seguida à interrupção da cartela
- Podem ser utilizados como anticoncepção de emergência, após uma relação sexual desprotegida
- Diminuem a incidência de: gravidez ectópica, câncer de endométrio, câncer de ovário, cistos de ovário, doença inflamatória pélvica, doenças mamárias benignas e miomas uterinos.
- Benéfico para o tratamento da Acne (Grau A de recomendação)(5)
Desvantagens:
- menores taxas de adesão (esquecimento de pílulas) entre adolescentes, quando comparado às mulheres adultas.(3)
- maiores taxas de descontinuação nos primeiros 3 meses de uso entre adolescentes, quando comparado às mulheres adultas.
Anticoncepcional Injetável Trimestral: (4)
- Semelhantes em alguns aspectos aos anticoncepcionais orais combinados, mas a principal diferença é a presença de um estrogênio natural na composição dos injetáveis, em oposição ao estrogênio sintético dos anticoncepcionais orais. Essa característica confere maior segurança no uso dos anticoncepcionais injetáveis combinados em relação à pílula combinada (Contudo, mais estudos são necessários)
- Não interferem negativamente com o prazer sexual;
- Diminuem a freqüência e a intensidade das cólicas menstruais;
- A fertilidade retorna em tempo mais curto do que com os injetáveis trimestrais;
- Ajudam a prevenir problemas como: gravidez ectópica, câncer de endométrio, câncer de ovário, cistos de ovário, doença inflamatória pélvica, doenças mamárias benignas e miomas uterinos.
Desvantagens
-Problemas relacionados ao controle do ciclo são apontados como as principais causas de descontinuação do uso.
Anticoncepcional Injetável Trimestral: (4)
- Na maioria dos estudos, as taxas de continuação de uso de AMP-D são melhores do que as de anticoncepcionais orais (efeitos menos evidentes entre as adolescentes),(4)
- Muito eficaz;
- Pode ser usado por lactantes após seis semanas do parto;
- Não provoca os efeitos colaterais do estrogênio;
- Não aumenta o risco de complicações relacionadas ao uso do estrogênio;
- Diminui a incidência de: gravidez ectópica, câncer de endométrio, doença inflamatória pélvica e mioma uterino,
- Pode ajudar a prevenir câncer de ovário, reduzir a freqüência de crises convulsivas em portadoras de epilepsia e a dor e freqüência de crises falciformes, ajuda a reduzir os sintomas de endometriose.
Desvantagens
- Principais causas de descontinuação são: alterações menstruais, ganho de peso e cefaléia.
- Evitar antes dos 16 anos, pois seu uso está associado com diminuição da densidade óssea (mas parece ser temporário e reversível) e o pico de massa óssea ainda não foi atingido nesta idade. Mais estudos são necessários.(6)
Análises, Comportamento

About the author

The author didnt add any Information to his profile yet

4 Responses to “Qual o anticoncepcional mais indicado para adolescentes?”

  1. giovanna says:

    eu tenho 13 anos apenas e pedi minha virgindade a uma semana atras e eu fiz sexo sem camisinha e eu naum tomei a tal “Pirula do dia seguinte” eu posso tomar esses anticoncepcionais acos ????

  2. paula says:

    KKKKK já era giovanna pela sua burrice vc deve ta gravida ja se fudeu kkk

  3. manu says:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk se fudeeeo kkkkk

  4. Rayene says:

    Gente procura-se se informar antes de ter feito

Leave a Reply